Na hora da venda faltou panfleto? Acerte na quantidade de impressos!

Realizar uma campanha de vendas exige longa preparação. Desde a escolha de produtos e preços, passando por outros detalhes técnicos para que tudo saia como o planejado. E a hora de divulgar é parte tão importante do planejamento quanto as outras: se não for bem definida e executada, pode colocar tudo a perder.

Planejar a forma de comunicação não tem muito mistério. Com tudo decidido, e sabendo que informações devem ser colocadas no material a ser impresso, basta procurar uma gráfica para a produção. O conteúdo deve focar, principalmente, em atributos que chamem a atenção do potencial cliente para seu produto ou serviço, com frases buscando levá-lo à ação.  (para saber mais sobre a criação de panfletos clique aqui).

Mas escolher o melhor layout, as frases mais impactantes e o resto do que estará impresso não é tudo. Você precisa calcular a quantidade ideal do quanto pretende distribuir para evitar surpresas durante a campanha. Afinal, ninguém gosta de ficar sem material de divulgação justamente quando vê as vendas em crescimento. Perder clientes e dinheiro não está nos planos de nenhum negócio!

Calculando a Quantidade

A atenção ao pedido de tiragem que vai ser feito é fundamental: avalie bem a estratégia de marketing na distribuição de panfletos para impulsionar as vendas.

Para o cálculo da quantidade a ser encomendada para sua campanha leve em conta o tamanho da empresa, a área de atuação e o número de locais onde serão distribuídos. Se sua empresa for pequena e com atuação em nicho, pense bem onde você irá distribuir os panfletos, pois não vale a pena entregá-los para todas as pessoas que passarem na frente da sua loja, por exemplo. Tente focar ao máximo seu público e identificar onde ele está.

O tipo de campanha também é muito importante. Se for realizar uma distribuição constante por tempo indeterminado – como um panfleto institucional de serviços, por exemplo – isto exige uma grande quantidade de material, sem data e com dados genéricos para não perder os impressos no longo do tempo. Diferente de campanhas sazonais ou temporárias.

Assim:

  1. Estipule um número aproximado de pessoas que você quer atingir com sua campanha, por exemplo: 5000 em um mês de distribuição.
  2. Acrescente 10% de perdas e extras ao número de pessoas atingidas. Por exemplo: se seu objetivo é atingir 5000 pessoas, acrescente 10% na hora de fazer o pedido, ou seja, mais 500. Assim, você solicitará à gráfica 5500 panfletos.

Naturalmente, a premissa de ‘é melhor sobrar que faltar‘ é válida! Ainda mais quando as encomendas são feitas em larga escala e a diferença de valores é mínima para mais ou para menos.

O ideal, claro, é que o pedido seja o mais exato possível, evitando também desperdícios com parte do material que não for utilizado.

No caso das impressões em offset, quanto maior a quantidade requisitada, mais baixo será o valor unitário de cada impresso. Por isso, pensar bem no que é melhor para o seu objetivo é a maneira mais certa de evitar surpresas com o resultado final. Não custa repetir: faltar material pode resultar em perder clientes!

Procure quem entende!

Em caso de qualquer dúvida, não há maneira melhor de se informar sobre o assunto procurando contato com quem mais entende e tem experiência na área: a gráfica. Acostumada com os pedidos de clientes nas mais diversas quantidades, o local de sua escolha para imprimir o material tem a melhor noção do que é preciso.

Não hesite em procurar a gráfica para responder seus questionamentos sobre a quantidade de panfletos a serem impressos. Com muitos anos de mercado, a MediaTall está pronta para ajudá-lo na hora de definir os últimos detalhes do pedido de impressos para sua campanha de venda – além de imprimir em até 24 horas para você.

Acesse www.mediatall.com.br e navegue pelo site para saber mais sobre nossos serviços, estrutura e história!