Publicado em

Que cores são tendência para 2018?

Cores 2018

Assim como todos os elementos relacionados a design, as cores também entram e saem de moda. Tendências em relação a elas surgem e desaparecem de ano para ano, e é sempre fundamental saber como trabalhar os diferentes tons de maneira adequada, para não ser visto como ultrapassado enquanto os concorrentes sabem exatamente o que fazer naquele momento.

Se antes essa preocupação com cores e suas variações se limitava à indústria da moda, agora não é mais assim. O design está sempre influenciado por tendências vindas do mundo fashion, e para quem pretende realizar campanhas de marketing com impressos também é importante estar por dentro desse meio.  A clientela e seu comportamento que costuma ditar as novidades a cada temporada, com pesquisas de consumo e preferências sendo usadas cada vez mais para determinar o que sai ou entra em voga.

Cores 2018

Quem está por dentro das cores em tendência para 2018 sai na frente. Afinal, já é possível trabalhar e adaptar toda a identidade visual e os materiais impressos de acordo com o que pode ser mais proveitoso no ano. É importante não mudar nada de maneira drástica, mas sim aproveitar as novidades para aproximar a sua comunicação e marketing daquilo que o seu público deseja ver.

Lavanda

É a cor que tende a dominar nas épocas mais quentes do ano.  Com sua aura que mistura romantismo e elegância, já está em alta no mundo da moda e tem tudo para adentrar com força no design também. Por ser um tom pastel, tem bastante versatilidade e ainda pode ser aproveitada durante a temporada inteira. Costuma ser mais associada ao feminino, mas não deixe de usá-la por isso, já que é a cor mais badalada para 2018.

Roxo

O roxo ou violeta é outra cor que está na moda em todos os aspectos. Com seu tom mais escuro e forte, traz uma natureza mais misteriosa e híbrida, e por isso mesmo também versátil – pode usar de diversas maneiras em seu design. Vale a pena testar possibilidades e experimentar bastante como roxos e violetas ao longo do ano.

Verde

Embora nunca saia de verdade da moda, o verde pode ter mais força em 2018. E não apenas um tom, mas dois. O verde claro tem nuances mais delicadas, enquanto o verde militar (aquele camuflado) é mais neutro, quase como um bege, e traz um sentido elegante e esportivo – além de militar, é claro – para o material impresso. Use a abuse dos verdes, principalmente desses tons.

Marrom

Outra cor mais neutra que volta com tudo é o marrom, dessa vez em seu tom mais chocolate. Com sua intensidade e versatilidade, não faltam opções para aproveitar o marrom no design. Assim como um chocolate, ele desperta sentidos em quem vê e é quase impossível de resistir.

Vermelho

O vermelho, especialmente o vermelho tomate, é mais uma cor entre as clássicas que pode crescer ainda mais no ano. O tom é mais forte e ousado, marcante, além de ter uma aura sofisticada se usado corretamente. Vermelho nunca está fora de evidência, mas agora é possível aproveitá-lo sem medo de errar.

Amarelo

O amarelo em seu tom mais fluorescente tende a crescer bastante. Embora para muita gente possa ser vibrante demais, é justamente isso que importa no ano: vibração e energia. E, ainda, traz aquele sentimento selvagem para quem vê. Como sempre, o amarelo está conectado ao roxo, sua cor complementar. E como ambas estão em alta, usar essa combinação pode ser uma ideia matadora para o seu design.

***

Já deu para perceber quais são as tendências de cores 2018, não é? Então aproveite as dicas e tenha boas ideias para seus materiais impressos no ano.

Venha conhecer também a MediaTall, a gráfica que garante a qualidade das cores na impressão e entrega em até 24 horas para você!

Publicado em

Impressos para o verão: a estação colorida

Já começou a planejar os seus impressos para o verão?

Todo mundo sabe que o verão é a estação mais feliz do ano, não é? Muito sol e tempo quente faz com que muitas outras coisas sejam adaptadas para se adequarem a tudo que o período pede: leveza, intensidade e alegria. E na hora de pensar o design de impressos, seja para divulgação de produtos ou para reforço de marca, é fundamental levar em conta o que o momento exige – ou seja, nada de frieza.

Com as temperaturas altas e a energia que o verão inspira em todos, é natural que as cores e imagens e tudo mais em uma arte devam ser pensados para se encaixarem com a estação. Designers e profissionais de comunicação já estão acostumados com isso, mas você também pode implementar em seus materiais impressos se fizer por conta própria seguindo algumas dicas e incrementando a sua identidade visual.

Tons quentes

Na hora de pensar os seus impressos para o verão, o mais importante é lembrar da principal característica da estação: o calor. Então é hora de usar e abusar dos tons quentes, como o amarelo. Ela é a principal cor da época, e todas as outras derivadas dela que contam com uma boa porcentagem em sua composição também são mais quentes. Por exemplo, um verde-amarelado é, enquanto um verde-azulado não é (o azul é a base das cores frias). Laranja e vermelho são os outros tons mais quentes da paleta de cores para a época – e o bom é que é muito válido variar bastante nelas, já que o verão é sempre muito colorido.

Cores claras

Mas não se limite aos tons de amarelo, laranja e vermelho. Azul e verde podem, sim, ser usados no verão! Afinal, o primeiro lembra mar e o segundo lembra árvores. Dependendo do contexto, vale a pena apostar em ambos durante a estação. A dica é usar tons claros, já que nada muito escuro combina com a alegria, a delicadeza e a leveza da época. Qualquer cor que você decida aproveitar para o design agora precisa ser clara para cair melhor aos olhos de quem vê.

Imagens temáticas

É claro que você não pode deixar de pensar com carinho nas imagens que vão ser usadas na hora de produzir a arte. E vale a pena ficar sempre dentro do tema verão. E é bastante fácil. Mar, céu azul, flores e gente feliz devem estampar tudo que for inserido no design. Listas também costumam fazer sucesso na estação. E não se esqueça de adequar tudo aos tons e cores mais aceitos durante o período – como dissemos acima.

Fontes criativas

E não só de cores e imagens são feitas as artes. A tipografia também merece atenção especial para ficar bem dentro do clima festivo do verão. A criatividade pode ditar o tom aqui, com fontes menos formais e bem diferentes do usual. As que simulam a escrita à mão costumam ser muito usadas. Outra ideia é aproveitar elementos da estação, como a água, as folhas e o calor para testar coisas ousadas.

Visual enérgico

O objetivo da comunicação no verão é reproduzir a energia da temporada. Para isso, o visual geral da arte precisa ter um efeito final que passe vibração a quem vê. Entre cores, imagens e texto, é preciso que o material transmita alegria e bem estar a todos, sem o uso de elementos que produzam o efeito oposto – como o preto e imagens que lembrem tristeza. Em suma, seguindo todas as nossas dicas acima é provável que o design contemple tudo que é ideal para a estação e traga positividade ao leitor e a todos os clientes em potencial.

Aí é só aproveitar… E na hora de imprimir, lembre também que qualidade e bom atendimento são fundamentais para o resultado. Venha conhecer a MediaTall, a gráfica que entrega em até 24 horas para você!

Publicado em

Ainda dá tempo! Saiba como fazer o cartão de Natal ideal para brindes

Já estamos em dezembro, o que significa que ninguém em mais nada que não seja o Natal. Qualquer empresa sabe que o fim de ano representa ótimas oportunidades para incrementar as vendas e se conectar com os clientes, funcionários e o resto do seu público. Então se você tem um negócio próprio, já pode pensar em todo mundo que tem para lembrar durante essa época.

E que tal presentear os mais próximos e importantes com um cartão de Natal? O mimo pode parecer simples, mas faz toda a diferença por um só motivo: mostra que você lembrou da pessoa, que a considera importante. Quem compra com você, quem trabalha para você ou quem tem parceria com você certamente vai agradecer por estar na sua lembrança no período natalino.

E apesar de dezembro já ter começado, não se preocupe: a MediaTall entrega em até 24 horas para você. Ainda dá tempo de elaborar cartões de Natal para dar de brinde a quem quiser. Saiba como fazer o seu personalizado sem maiores dificuldades.

Como fazer um cartão de Natal?

É claro que você pode contratar um profissional especializado para desenhar o layout do cartão, mas nem toda empresa dispõe de orçamento para isso. Principalmente para as de micro e pequeno porte, assim como empreendedores autônomos, a melhor opção pode mesmo ser fazer por conta própria. E não é tão difícil quanto parece.

Primeiro, tenha a ajuda de um software como o Photoshop ou algum de seus equivalentes disponíveis na internet – muitos deles gratuitos e de uso online, sem precisar fazer download. Em geral, cartões de Natal vêm nas dimensão de 10×15 cm ou 15×21 cm.  Escolha o tamanho de sua preferência como passo inicial (todos os programas costumam começar por isso na hora de abrir um novo projeto).

Para escolher a imagem de fundo do cartão também é bem simples. Bancos de imagem gratuitas como o Pixabay, o Unsplash e o Pexels, entre outros, oferecem uma infinidade de imagens que você pode usar livremente sem se preocupar com direitos autorais. Basta inserir nos campos de busca termos como “Natal” ou “Christmas” para se deparar com muitas opções e escolher a que mais te agrada.

Em seguida, é a vez do texto com mensagem natalina. Palavras de agradecimento pelo ano que passou e de esperança para o futuro são as mais comuns. O importante é mostrar sinceridade. E também pode ser algo relacionado ao seu negócio ou seu público. Pense em fontes que simulem a escrita caligráfica com a mão, já que são as mais usadas em cartões de Natal.

Não se esqueça ainda de inserir em um dos cantos do cartão o logo da sua marca – sempre importantíssimo para fixá-lo com a clientela. As informações da empresa, como email e redes sociais, também são bem vindas, de preferência na parte de trás. O verso pode ser mais limpo, dedicado apenas a isso.

***

O mais importante na hora de enviar cartões de Natal para seus stakeholders – o público estratégico de interesse de uma empresa, sejam funcionários, parceiros, clientes e família ou sócios – é mostrar carinho em uma data tão especial. Todos apreciam ser lembrados, e o Natal, por ser no fim do ano, é a melhor época para mostrar consideração com essas pessoas.

Na hora de imprimir os cartões, escolher com cuidado a gráfica faz toda a diferença. Afinal, qualidade de impressão e suporte durante o processo são coisas que não podem faltar.

Venha conhecer a MediaTall, a gráfica que entrega em até 24 horas e garante que o seu cartão de Natal chegue a tempo!

Publicado em

Os melhores programas gratuitos de design gráfico na internet

Realizar uma campanha de marketing com materiais impressos exige diversos cuidados e detalhes. Um dos principais é a arte que vai ser usada no panfleto, folder, banner ou o que preferir, já que o aspecto visual faz toda a diferença para captar a atenção do público e a se comunicar com sucesso. Muita gente prefere contratar um profissional para isso, mas o design gráfico pode ser feito de maneira própria em caso de orçamento apertado.

E para quem vai fazer o layout do material sozinho, seja por falta de dinheiro ou por preferência, existem diversas alternativas na internet – todas voltadas para trabalhar com design sem grandes dificuldades, em geral bastante intuitivas e com um bom número de funcionalidades. Muitas delas são gratuitas, deixando ainda mais fácil e prática a elaboração da arte para o impresso.

Embora as opções grátis não sejam tão completas quanto as pagas, naturalmente, ainda assim é possível criar um belo design gráfico para o seu impresso sem sair de casa: basta ter computador e acesso a internet. Então conheça os melhores softwares online gratuitos para ajudar a sua campanha.

Gimp

O Gimp não é usado online, mas você pode fazer o download do programa através do site oficial. Além de ser gratuito, o software também tem código aberto, o que promove constantes atualizações e novas funcionalidades por parte dos próprios usuários. Além de ter fácil navegação e usabilidade, ele é considerado por alguns especialistas do meio como a a melhor opção grátis encontrada na internet em relação ao Photoshop – que é o grande nome quando se trata de edição de imagens.

Pixlr

Ao contrário do Gimp, o Pixlr é uma alternativa completamente online para quem deseja editar e tratar imagens ou ainda criar uma arte para o seu impresso. Logo de cara é possível definir as dimensões do projeto, então é possível adaptar o tamanho desejado para o material que for – panfleto, banner, folder, etc. O programa é simples e leve, com as opções ‘Editor’, mais elaborada, e ‘Express’, para adicionar efeitos rapidamente em uma foto. A primeira é a indicada para quem pretende criar layouts.

Inkscape

Se os dois programas acima funcionam como substitutos para o Photoshop, o Inkscape surge como opção a outros softwares muito usado para design gráfico e elaboração de artes: o Corel Draw e o Illustrator. Para baixá-lo, acesse o site e faça o download. Depois é só seguir os passos para instalação e já é possível e editar vetores como no caso dos dois similares mais famosos. Ele ainda permite a instalação de recursos complementares liberados ocasionalmente pela desenvolvedora.

Scribus

Para fechar a lista, o Scribus é uma espécie de diagramador de documentos, assim como seu concorrente mais conhecido, o InDesign da Adobe. Assim como os outros – à exceção do Pixlr – é preciso entrar no site e baixar o programa para começar a usar. É ideal para criar o design gráfico de banners, convites, magazines e propagandas, além de outros impressos, com funcionalidades bastante fáceis de usar.

Design gráfico  direto no site

Ainda existem muitos outros programas gratuitos na internet para ajudar a criar sua campanha de marketing com impressos. Uma rápida pesquisa no Google já é suficiente para encontrar a maioria do que precisa, sem precisar gastar com um profissional do ramo caso o orçamento esteja apertado.

É claro que o local onde vai imprimir também faz toda a diferença. Além de oferecer suporte, qualidade e entrega rápida, uma boa gráfica online também permite ao cliente selecionar opções entre designs pré-elaborados e ainda fornecer as direções para o que gostaria que fosse feito na arte.

Venha conhecer a MediaTall, a gráfica que te ajuda com o design e ainda entrega em até 24 horas!

Publicado em

Embalagem de qualidade: a importância para o seu negócio

Qual a importância de uma boa embalagem para o seu negócio?

O setor gráfico vem trazendo boas oportunidades para novos empreendedores. Entre designers e revendedores atuando em gráficas online como forma de complementar a renda ou de recomeçar a carreira, muitos procuram nichos interessantes para se inserirem e, aos poucos, ganharem destaque dentro do mercado. E um deles sempre será atrativo: embalagens são artigos essenciais para empresas dos mais diversos tipos.

As indústrias de alimentos e brinquedos, entre outras, estão entre as que mais lançam mão de embalagens. E é um mercado constante, com necessidade de encomendas o ano inteiro – não à toa, engloba mais de 40% da produção das gráficas brasileiras. Com tanta demanda, é natural que os novos empresários do ramo se voltem para isso. Mas é preciso saber trabalhar: entender que não basta produzir embalagens, é preciso garantir a qualidade delas. E aqui você vai descobrir como.

Atributos para uma embalagem de qualidade

Quando falamos de embalagens, caixas e pacotes para os mais variados tipos de produtos, é preciso seguir algumas determinações. Em primeiro lugar, manter certas características da qualidade delas.  Como certificar que o tamanho é adequado para o item que estará dentro, sem espaço demais para ficar solto ou de menos para apertar demais. Ou se manter nos padrões exigidos para aquele segmento. E também lembrar de inserir toda e qualquer necessidade extra que for pedida. Para que tudo saia dentro do esperado, é essencial alinhar os detalhes com a gráfica e ter certeza que todos os desejos serão atendidos.

A apresentação das boas embalagens

Saindo do básico, há a necessidade de assegurar uma boa apresentação para a embalagem. Na verdade, esse fator não é fundamental, mas pode ajudá-lo a se destacar da concorrência dentro do meio de atuação. Uma caixa mais apresentável ganha a atenção do cliente em potencial com mais facilidade… sabe aquela sensação de ‘comer com os olhos’? E mesmo que não sejam embalagens para comida! Um design atrativo, com cores e/ou imagens pertinentes e as informações da empresa para que o comprador tenha contato caso necessário. Tudo que for possível para fixar a marca na cabeça do consumidor, mas sem exagerar, é bem vindo na embalagem. E assim é possível conquistar mais vendas.

Não esqueça da higiene

É claro que uma caixa bem feita tem que prezar pela higiene do produto. Não importa o que estará dentro, as embalagens precisam evitar que qualquer coisa entre, desde pequenos insetos até água ou umidade. Somente assim é possível preservar o item e evitar surpresas desagradáveis para quem compra. E quando falamos de comida, a higienização do pacote se torna ainda mais importante! Preste muita atenção ao selar a embalagem, assegurando que ela está protegendo bem o alimento.

***

Ao escolher onde vai produzir as embalagens para o seu negócio, também é determinante prezar pela qualidade. A gráfica selecionada deve não só garantir os pontos acima, como dialogar com atenção junto ao cliente para ter certeza de que todos os detalhes serão cumpridos.

A MediaTall produz embalagens de qualidade há anos e entrega o melhor produto para você, venha nos conhecer!

Publicado em

Perfil ICC: para que serve?

O processo de criação da arte e do envio do arquivo de um material impresso passa por diversas etapas fundamentais para a qualidade do produto final. Há quem ache que basta realizar um design atrativo, enviar em qualquer formato e esperar o resultado igualzinho na impressão, mas não se engane: exige muito mais que isso, sob o risco de qualquer descuido influenciar no fim.

Entre todos os passos necessários para cuidar com carinhos dos mínimos detalhes do que está sendo entregue à gráfica responsável pela impressão –  que você pode conferir no nosso Guia do Fechamento de Arquivo – se inclui ainda o Perfil ICC. Prestar muita atenção nele faz toda a diferença para o resultado das cores do material após a produção, então por isso se torna fundamental no processo.

O que é o Perfil ICC?

O Perfil ICC é um arquivo em extensão .icc ou .icm que é usada nas impressoras para identificar as cores e a relação delas entre o papel e a impressão. Ele basicamente faz a gestão das diferentes cores em todo o processo – passando pela tela do computador, pela digitalização, pela impressão e para o papel. O ICC ainda corrige diferenças e define quanto de tinta será preciso para cada mídia diferente. Somente com ele é possível atingir a melhor qualidade das cores no resultado final do material impresso.

Para que serve o Perfil ICC?

O Perfil ICC faz a ‘comunicação’ entre toda a cadeia gráfica da impressão, que é composta por equipamentos periférios que não ‘falam a mesma língua’ – um monitor tem síntese aditiva RVB, por exemplo, enquanto o papel tem síntese subtrativa CMJN. É preciso algo que traduza tudo para o resultado final da impressão ser exatamente o que foi visto na tela na hora da criação.

Cada impressora de marcas diferentes possui o seu próprio ICC, geralmente customizados, feitos sob encomenda. É a maneira de garantir fidelidade na transmissão para o papel. Em suma, ele faz a definição de cores de uma impressão de acordo com momentos e condições específicas.

O cliente não pode esperar uma tradução exata dos tons observados no computador no software de edição para o impresso final. Existe sempre uma variação de aproximadamente 10%, mas com os devidos cuidados – como vistos no Guia do Fechamento de Arquivo e na importância do Perfil ICC – é possível observar a maior qualidade possível de cores, com mais vivacidade e fidelidade no papel.

***

Existem muitos detalhes a serem pensados durante toda a produção de uma campanha de marketing com materiais impressos. Todo cuidado é pouco para que o resultado seja o esperado, e as cores são parte essencial do processo.

E claro, a gráfica escolhida também faz toda a diferença: é preciso encontrar uma de confiança, que garanta qualidade e ainda ofereça todo o suporte para o cliente. Venha conhecer a MediaTall, a gráfica que entrega em até 24 horas para você!

Publicado em

Dicas práticas para criar seu Flyer ou Panfleto

Apostar em uma campanha com uso de impressos para divulgação de marca, produtos ou serviços pode render ótimos resultados a qualquer empresa. Embora seja mais costumeiramente usado pelo setor de comércio, esse tipo de comunicação apresenta bons resultados se feita da maneira correta – e distribuída nos locais adequados ao seu público.

Entre os materiais mais procurados estão o flyer ou o panfleto. Costumam ter a preferência de empresários justamente pelo excelente custo-benefício que possuem, exigindo pouco investimento e podendo gerar retorno satisfatório – mas, novamente, precisa ser tudo feito corretamente. E criar um impresso do tipo não é tão difícil quanto pode parecer.

Em um flyer ou panfleto é possível comunicar todas as informações desejadas, de acordo com os seus objetivos, e ser visto por muita gente. Com planejamento, organização e certeza do que quer, é possível ver os resultados aparecendo rapidamente. E para fazer o seu, fique de olho em algumas dicas práticas.

Escolhendo o material

Primeiramente é preciso entender as diferenças entre flyer e panfleto. O flyer é um material de dimensões pequenas, geralmente com menos informação e mais direto no assunto que deseja tratar. Para chamar atenção, aposta em cores vibrantes, imagens atraentes e textos chamativos. Ele é ideal para rápida disseminação de eventos, mas também é muito usado na divulgação de produtos e serviços.

Já o panfleto – ou folheto – é um impresso também de uma só folha, que pode ser aproveitado em frente e verso e com tamanho maior. Por isso, pode receber mais informação, mas ainda precisa ser bem claro e direto no que deseja transmitir para prender a atenção do leitor. Como tem mais espaço, pode ser melhor trabalhado na campanha.

As cores

O uso correto das cores é fundamental para chamar a atenção para o seu impresso. Nunca é demais lembrar que lançar mão de muitos tons diferentes – ou tons muito vibrantes conflitando – gera excesso de informação no material e atrapalha a leitura. Outro ponto importante é tentar manter a paleta sempre dentro da sua identidade visual: assim, o leitor se acostuma com certas cores relativas à marca e passa a associar elas a você.

As informações

Além das cores, é importante pensar em como vai distribuir as informações no impresso – seja ele um flyer ou panfleto. É fundamental desenvolver um texto curto, claro e direto, evitando coisas desnecessárias. Lembre-se de colocar seus dados de contato como endereço, site ou redes sociais. Deixe em evidência o que for mais importante – em fonte maior, em negrito, com uma cor diferente ou como quiser. A escolha da tipografia também pode fazer a diferença, e tente se ater a não mais que três. Cuidado também com as imagens, prezando sempre por uma alta resolução para maior qualidade.

O papel

Por fim, saber escolher o papel ideal para o seu impresso de campanha também faz a diferença para o sucesso dela. Papeis distintos trazem resultados distintos na hora da impressão, e uma decisão errada pode afetar negativamente a qualidade do material. O ponto principal é a gramatura: quanto menor, mais leve e, assim, também mais fácil de estragar ou rasgar. Gramaturas mais pesadas, porém, costumam aparecer apenas em cartões, nunca em panfletos ou flyers.

O último fator determinante para o sucesso da sua campanha com impressos é a escolha da gráfica. Procure sempre uma de confiança, que garanta a qualidade e o ajude também com dicas para que tudo saia como o planejado.

Venha conhecer a MediaTall, a gráfica que imprime em até 24 horas para você!

Publicado em

Tendências de Design para Impressos em 2017

É fácil encontrar empresas que definem uma campanha de marketing sem prestar a devida atenção ao design dos materiais impressos. Passam pelo planejamento, pela definição de tema, textos e imagens, mas se esquecem que tudo pode ir por água abaixo se não houver harmonia e se não atrair o leitor de maneira adequada.

Como em tudo na vida, cada virada de ano traz novas tendências para novidades que podem se destacar e ajudá-lo a conquistar o público dali em diante. No design visual não é diferente, já que a todo momento surgem ideias inovadoras e fora da caixa que acabam se popularizando e passam a dominar o mercado em questão.

Não se engane: as pessoas julgam, sim, a aparência do que estão observando. Muitas vezes um design interessante, inovador ou arrojado faz a diferença para quem está lendo. A beleza ou apelo visual de um impresso é determinante para fazer com que o potencial cliente decida parar e ler, em vez de apenas deixar passar.

Menos é mais

Já se foi o tempo onde materiais muito elaborados tinham a preferência absoluta dos profissionais de marketing. Hoje, a ideia de que menos é mais está em alta, com o minimalismo ganhando destaque a ajudando muitas marcas a atraírem mais clientes.

Foque em uma mensagem direta, adote poucos elementos – mas que sejam bastante claros para a sua proposta – e deixe o visual mais limpo. A expectativa é que a maioria vá gostar do aspecto.

Ilustração manual

Outro ponto que vem sendo bastante usado pelos profissionais da área é apostar em ilustrações feitas à mão para passar a mensagem que desejam. Não é novidade que usar fotos genéricas de bancos de imagem da internet está em decadência, mas agora talvez seja o momento de lançar algo que sequer tenha foto.

Desenhos, quando bem feitos, são bastante atraentes aos olhos e capturam a atenção do leitor rapidamente.

Tecnologia x Natureza

Antes de tudo, calma. Não é um contra o outro. Mas, ambos estão em alta na hora de definir padrões de design para o seu material impresso. Tanto componentes que remetem à natureza quanto outros associados a tecnologia vêm sendo bastante usados no design visual mundo afora.

A ideia é trabalhar com cores, texturas e imagens que lembrem ao público elementos do meio ambiente ou da esfera digital. Tanto natureza quanto tecnologia passam uma ideia de imprevisibilidade e inspiração para quem vê.

Storytelling

Outra elemento de criação que vale a aposta em sua campanha de marketing de impressos é o storytelling: a arte de contar uma história para passar a mensagem que deseja.

Nesse caso, talvez funcione melhor em um folder, justamente pelo formato de livreto. Através de uma narrativa leve e lúdica, fica mais fácil passar ao público a informação que precisa – e de maneira mais divertida e didática para quem lê.

Esse ponto ainda pode casar bem com a ideia do uso de ilustrações manuais.

As tendências de design em impressos mostram que as marcas devem se tornar mais pessoais possíveis, utilizando desenhos, histórias, cores e texturas na medida certa para chegar ao público cada vez mais exigente e conectado à tecnologia em tempo real!

E não importa o setor em que a marca esteja inserida: o design do material que vai distribuir para divulgação é praticamente tão importante quanto a qualidade do produto ou serviço que está oferecendo. De nada adianta tentar vender algo de alto nível se a mensagem para divulgar aquilo não chega ao público de maneira adequada, não é mesmo?

Após definir o design e os outros detalhes do seu impresso, chega a hora de escolher quem vai imprimi-lo. E é decisão também importante; a gráfica precisa garantir a qualidade no resultado final e fornecer todo o suporte necessário para que a sua campanha saia como deseja.

Publicado em

10 ideias de Flyers criativos e inovadores

Criar uma arte é… uma arte! Apesar do trocadilho repetitivo, a verdade é que um trabalho bem feito na hora de idealizar o design do seu flyer pode fazer toda a diferença para a sua campanha de marketing.

Estamos acostumados a ver mais do mesmo, com materiais pouco criativos e seguindo um mesmo padrão em comum. Então investir na criatividade na hora de planejar a arte é o diferencial que você precisa. Afinal, um flyer inovador chama muito mais a atenção do público.

Todo mundo acaba recebendo inúmeros impressos de propaganda quando sai pela rua em um local movimentado. Só vão se destacar aos olhos de quem vê aqueles que são mais diferentes da maioria – seja pelas cores, pela diagramação ou pelo humor.

Então fique por dentro de algumas ideias para se inspirar na hora de criar o seu.

1 – Fonte

O flyer da  Brasil Cacau se destaca com a fonte, atraindo bastante a atenção para a ideia do preço baixo. E também é claro, pelo apelo criado pela imagem do chocolate, paixão nacional.

2 – Formato

Já nesse segundo exemplo é o formato que chama a atenção do leitor. Em vez de ficar na zona de conforto do formato tradicional, a arte brinca com formas geométricas e aposta em fugir do usual para se destacar.

3 – Ilustração

Aqui o flyer da Editora Abril lança mão de uma arte ousada para chamar atenção. A ilustração que simula uma colagem rapidamente atrai o olhar de quem recebe o material e cumpre o objetivo de ser vista pelo público.

4 – Chamada para ação

Um flyer mais simples, sem grandes novidades, mas que cumpre seu papel com louvor ao destacar a chamada para ação de maneira forte para o leitor: ligue e peça a nossa pizza, que é a melhor da cidade.

5 – Infográfico com cardápio

O flyer da Aarley’s reproduz a capa do cardápio na parte da frente, mas com um diferencial: se torna quase um infográfico do hambúrguer, atraindo rapidamente o interesse do leitor para aquilo. E, na parte de trás, o cardápio em si com as opções da casa.

6 – Catálogo

A popular Bloomingdale’s traz ao público uma rápida amostra do catálogo da loja em seu flyer, brincando com a diagramação em caixas quadradas e também oferecendo um cupom de desconto com bastante destaque.

7 – Real + Ilustrado

Já a Wickbold, famosa marca de pães, executa com maestria a mistura da ilustração singela com uma imagem do seu próprio produto. O resultado é natural e a criatividade torna o flyer muito mais atrativo.

8 – Fonte inusitada

A tipografia bastante diferente para anunciar o evento, usando palitos de picolé, é o que atrai o leitor nesse exemplo. Toda a apresentação do flyer é mais criativa que o normal e funciona muito bem para se fazer ser notado.

9 – Divulgando evento

Outra amostra simples, mas bastante eficaz para anunciar um evento com perfeição. A mensagem não poderia ser mais clara, e a arte brincando com o aspecto rústico de uma festa junina, lembrando madeira, completa o conjunto.

10 – Alcançando o público-alvo

A arte é diferencia e completamente focada no público-alvo do flyer. Afinal, os leitores não precisam nem abrir para saber de que assunto o material está tratando.

***
Depois de definir e produzir a arte matadora para o seu flyer, chega a hora de outra etapa muito importante da campanha de marketing: a escolha da gráfica ideal para imprimir tudo.

A MediaTall tem o que você precisa para garantir a qualidade final dos impressos, e ainda entrega em até 24 horas. Venha nos conhecer!

Publicado em

5 Sites úteis para criar você mesmo seus Flyers e Panfletos

Apesar de todo o foco que vem recebendo o marketing digital como forma de divulgação de negócios hoje em dia, as campanhas com materiais impressos ainda possuem muita relevância. Flyers e panfletos são excelentes formas de se comunicar com o público de uma determinada área e mostrar o que você tem a oferecer, destacando preços e promoções.

Como nem todo empresário tem o orçamento necessário para contratar alguém que desenhe seus flyers e panfletos, às vezes é preciso colocar a mão na massa e fazer por conta própria. Para a sua sorte, não é nada difícil elaborar um impresso no Photoshop. E existem outros sites pela internet que podem ser uma verdadeira mão na roda para quem deseja criar um material.

Então conheça cinco sites que vão te ajudar bastante na hora de criar o próprio flyer ou panfleto.

Para as fotos

Todo material precisa de ao menos uma foto de qualidade para ilustrar a informação que está passando. Por sorte, existem diversos bancos de imagens gratuitos no mundo virtual, onde você pode escolher a melhor para deixar o flyer ou panfleto do jeito que quer. Entre os principais estão o Pixabay e o Pexels. Entre os dois, são milhares e milhares de fotos para escolher e fazer um belo trabalho em sua campanha impressa.

Para as fontes

Outra parte importante para quem deseja criar sozinho um impresso através do Photoshop ou outro software de edição é a tipografia. Embora os programas e aplicativos do tipo possuam diversas opções de fontes, pode ser que aquela ideal para o que você quer não esteja disponível lá. Mas sites como o Font Squirrel, por exemplo, são excelentes para encontrar a fonte perfeita para o seu flyer ou panfleto. Então vasculhe pela internet sem medo que você vai achar o que procura.

Para as cores

Um grande problema para o empreendedor menos experiente na área do design que tentar elaborar sozinho um flyer ou panfleto pode ser a combinação de cores. Nem sempre o que parece bonito para o seu gosto pessoal é o mais adequado quando se trata de ilustração e marketing. Para garantir que você não vai escolher os tons errados na hora de definir o material, o site Paletton é muito útil. Nele, você joga uma cor principal de sua preferência e recebe as melhores combinações para que o impresso fique o mais harmonioso possível.

Para o design

Mesmo quem tem menos experiência e não se garante ainda no Photoshop para criar sozinho um flyer ou panfleto ainda pode conseguir criá-lo sem precisar recorrer a um profissional da área. Usando o Canva, por exemplo, é possível construir um material a partir de modelos prontos disponíveis de maneira gratuita. Para quem não possui softwares de edição de imagens, lá você também pode criar algo totalmente novo de maneira bastante fácil. Existem também peças, ícones e imagens mais exclusivos que podem ser comprados para dar um diferencial no impresso.

Para a ideia

Por fim, se você procura uma boa ideia para construir ou complementar seu flyer/panfleto, pode recorrer ao FreePik. No site, o usuário encontra modelos de ideias gratuitas ou pagas, além de opções de vetores gráficos, ilustrações, ícones, fotos e tudo que você precisa para criar sozinho o seu material. Caso esteja indeciso sobre o que fazer em sua campanha, é sempre uma boa alternativa para consulta e download de alguns itens.

***
Depois de deixar tudo pronto, nunca se esqueça que escolher com cuidado o local onde vai imprimir seu material faz toda a diferença: uma gráfica de confiança garante a qualidade do resultado final e de sua campanha de impressos.

A MediaTall garante que tudo vai sair como o planejado e ainda imprime em até 24 horas para você. Conheça nossos serviços!